Roteiro de Viagem – 1 Dia em Salta, Argentina

Salta é uma das cidades mais importantes da região norte da Argentina e que serve de porto de chegada para quem quer conhecer a região

A província de Salta é um roteiro importante na Argentina, porém a cidade de Salta tem relativamente pouco a oferecer. Eu fiquei dois dias em minha viagem à Salta, mas em um dia é possível conhecer o que há na cidade e então partir para o interior da província que é muito mais interessante.

Em 1 dia, você consegue conhecer a cidade, fazendo o seguinte…

Pela manhã dê uma volta pelo centro, conhece  a Praça Don General Martin Miguel Guemes e a principal, que é a Plaza 9 de Julio. Lá ficam a Catedral Basílica de Salta, o museu de Arqueologia das Montanhas (tem que ver, dura 1h o passeio) e o Cabildo y Museo (dispensável, se faz em 30 min).

Catedral Basílica de Salta, Norte Argentino
Catedral Basílica de Salta, Norte Argentino

Na rua Caseros (que cruza a praça principal), fica também a linda Iglesia San Francisco.

Das 13 as 17h, a maioria do comércio fecha e a cidade fica quase às moscas (isso durante o verão, se for no inverno, vale verificar o horário de funcionamento. Este é um bom horário para você fazer uma das duas coisas… ou quem sabe, as duas:

  • Subir no teleférico San Bernardo para ter uma vista panorâmica da cidade. Custa 150 pesos e em 1 hora voce sobe e desce. Dá para ir andando (uns 15 minutos) desde a praça 9 de Julio.
  • Almoçar em San Lorenzo. É bairro / distrito que fica a 20 minutos de carro do centro de Salta. Além da região ser muito bonita, comi muuuuuuuito bem e por um preço similar às porcarias que comi no centro (500 – 600 pesos o casal). Comi no Don Sanca, achei excelente.

A tarde (ou seja, depois das  17h) pode conhecer um pouco mais do centro e quem saber fazer as suas compras de souvenirs por ali.

A noite pode ir à região de Balcarce. São vários restaurantes e barzinhos e até alguma baladinha. Fiquei no Hotel Altos de Balcarce, ficava do lado dessa região e a 15 minutos a pé do centro.

Iglesia San Francisco a noite, em Salta, Norte da Argentina
Iglesia San Francisco a noite, em Salta, Norte da Argentina

Considerações finais sobre minha viagem à Salta

  • Fui no verão e escurecia as 9h, talvez por isso o horário do comércio fosse um pouco diferente
  • Eu fiquei 2 dias na cidade por uma questão de logística. Foi um dia perdido na minha viagem =/
  • Fui também no restaurante La Criollita, em que se servem excelentes empanadas! 🙂
  • Evite o restaurante City Café, na praça 9 de Julio. Horrendo.
  • Eu estava de carro porque ia para outros lugares, mas é absolutamente desnecessário na cidade de Salta. Fica mais caro estacionar do que que pegar um taxí… Mas só caso não queira andar muito em um calor monstro que nem estava no meu primeiro dia, ou em um dia frio e chuvoso como estava no meu segundo dia.
  • Se estiver indo para a região, foque em outros cidades, como Tilcara e Cafayate e seus respectivos entornos.
  • Veja aqui quanto gastei na viagem de 15 pela região de Salta.

Mais sobre esta viagem...

Homero Carmona

Blogueiro desde 2008, ano em que fez seu primeiro intercâmbio e começou a viajar por aí! Atualmente coleciona mais de 40 países no seu passaporte e sonha conhecer todos os 200 e poucos por este mudão a fora... Seu hobby é fazer com que mais gente viaje, todo dia, cada dia mais!

Viaje mais...

...continue viajando!